Quarta, 25 de Maio de 2022 12:57
83 991878740
Política ELEIÇÕES 2022

Com Ricardo inelegível, PCdoB pode indicar candidato ao Senado da federação

O PCdoB, apresentou o nome do professor Rangel Júnior para o Senado.

09/05/2022 13h09
Por: Redação
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

A inelegibilidade imposta ao ex-governador Ricardo Coutinho (PT) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) devido a supostos crimes eleitorais cometidos nas eleições de 2014, quando Coutinho foi reeleito, pode fazer com que o PCdoB indique um candidato ao Senado pela federação formada entre PT, PCdoB e PV. A informação é da coluna Painel, da Folha de São Paulo.

Apesar de parte do PT acreditar que Ricardo pode se livrar da condenação, o PCdoB quer fazer a indicação e evitar que a união das siglas fique sem representante na disputa. Na Paraíba, Coutinho lançou a pré-candidatura numa coligação contrária ao governador João Azevêdo (PSB). Já o PCdoB, apresentou o nome do professor Rangel Júnior para o Senado. O ex-reitor da UEPB é aliado de Azevêdo.

De modo geral, parlamentares do PT têm reclamado da falta de estratégia do partido para organizar as candidaturas à Câmara e ao Senado. A situação do Senado é considerada a mais crítica porque das oito pré-candidaturas lançadas, apenas a de Wellington Dias (Piauí) e de Camilo Santana (Ceará) estão confirmadas.

A presidente nacional da legenda, Gleisi Hoffmann, diz que as direções estaduais já têm orientações sobre esse assunto e rechaça a crítica. “Esses parlamentares deveriam procurar seus diretórios e ajudar a construir. Nosso GTE [Grupo de Trabalho Eleitoral] já fez inúmeras reuniões e nossa secretaria de Organização está acompanhando a formação das chapas”, afirmou à Folha.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias