Sexta, 12 de Julho de 2024 10:07
83993941578
Política PREMIAÇÃO

UFPB recebe com premiação Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica do CNPq

O evento aconteceu no Campus Guamá da Universidade Federal do Pará

09/07/2024 08h56 Atualizada há 3 dias
Por: Redação
Foto: Angélica Gouveia/UFPB
Foto: Angélica Gouveia/UFPB

O Reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), professor Valdiney Gouveia, participou, nesta segunda-feira (08), da solenidade de premiação do 21º Prêmio Destaque na Iniciação Cientifica e Tecnológica – Edição 2023, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), entidade federal de incentivo à pesquisa instituidora da premiação. O evento aconteceu no Campus Guamá da Universidade Federal do Pará (UFPA), em Belém, no Pará.

Agraciada na Categoria ‘Mérito Institucional’, a UFPB também esteve presente no evento por meio da professora Fátima Vanderlei, coordenadora geral de Programas Acadêmicos e de Iniciação Científica (CGPAIC) da Pró-reitoria de Pesquisa (Propesq).

De acordo com o Reitor Valdiney Gouveia, esse é um reconhecimento ao trabalho que tem sido feito na Propesq em favor do desenvolvimento científico, e em nome da professora Fátima Vanderlei, ele parabeniza todos que contribuíram para essa importante premiação, resultante do trabalho do corpo administrativo da Propesq e do empenho dos alunos – atuais e egressos – de iniciação científica da UFPB e dos pesquisadores da UFPB.

Na categoria ‘Mérito Institucional’ do prêmio, são reconhecidas instituições que contribuíram de forma relevante para o alcance dos objetivos do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic). Por conta disso, a Universidade foi premiada com 5 a 20 bolsas adicionais de iniciação científica ou de iniciação tecnológica, que serão adicionadas às atuais 663 bolsas em nível de graduação e ensino médio financiadas pelo CNPq na UFPB. Outras 620 são pagas com recursos próprios.

A entrega das premiações aconteceu durante a reunião anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), na UFPA.

Com a conquista deste ano, a UFPB é reconhecida com o prêmio por dois anos consecutivos. Em 2023, na 20ª edição do Prêmio, um projeto de iniciação científica na área de Ciências da Vida, desenvolvido no Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade pelo docente Francisco Humberto Xavier Júnior e a estudante de graduação Ana Flávia Chaves Uchôa, foi um dos nove premiados naquela edição.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias