Sexta, 12 de Julho de 2024 11:04
83993941578
Cotidiano DENÚNCIA

Ministério Público investiga acusação de perseguição e homofobia contra capitão da PMPB

A portaria de instauração da denúncia foi realizada no último dia 25 de junho.

08/07/2024 06h35
Por: Redação Fonte: com informações do Fonte83
Foto: Secom-PB
Foto: Secom-PB

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) abriu uma investigação para apurar uma suposta perseguição e homofobia contra um capitão da Polícia Militar da Paraíba (PMPB).  A denúncia anônima foi realizada por um tenente da própria PMPB, ao Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial.

O Política JP teve acesso ao Procedimento Administrativo, Extrato de Promotoria e Portaria, mas vai preservar os documentos e o nome da possível vítima.

Diante das graves denúncias  o MPPB, abriu um procedimento administrativo para averiguar os crimes praticados na corporação militar contra o oficial. A portaria de instauração da denúncia foi realizada no último dia 25 de junho.

De acordo com a denúncia, ele é o primeiro oficial da Polícia Militar a ter doutorado no Brasil, atuava à frente do Centro de Educação da PMPB, transformando o espaço em referência para os demais Estados, contudo, o denunciante que também serviu no Centro de Educação, revela que o oficial é alvo de perseguição e homofobia pelo Comando Geral da Polícia Militar.

A investigação do procedimento administrativo é coordenada pelo promotor de justiça, Claudio Antonio Cavalcanti, que integra o Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (Ncap/MPPB).

O militar teria sido transferido do Centro de Educação para a Diretoria de Apoio Logístico (DAL). O motivo da transferência não foi informando pelo Comando Geral da PMPB.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias