Segunda, 24 de Junho de 2024 07:49
83993941578
Brasil PRISÃO

Torcedores do Valencia são condenados à prisão após insultos racistas contra Vinicius Jr

Trio terá ainda que ficar dois anos sem entrar em estádios de futebol, além de arcar com as custas do processo

10/06/2024 13h23 Atualizada há 2 semanas
Por: Redação
Foto: Lucas Figueiredo/CBF
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Três torcedores do Valencia, que realizaram ataques racistas contra o jogador Vinicius Jr. no estádio Mestalla, em maio de 2023, foram condenados a oito meses de prisão. A sentença foi definida pela Justiça da Espanha nesta segunda-feira (10).

O trio terá ainda que ficar dois anos sem entrar em estádios de futebol, além de arcar com as custas do processo. Eles foram identificados com a ajuda de imagens de câmeras de segurança do estádio.

O caso aconteceu em um jogo entre Valencia e Real Madrid, time onde joga o atacante brasileiro. Durante a partida, Vini Jr. foi xingado de "mono" (macaco, em espanhol) por parte da torcida presente no estádio. Na época, um dos três torcedores condenados afirmou que "Vinicius teve uma atitude arrogante" e que a "provocação faz parte do futebol".

No mesmo dia dos ataques, o jogador foi às redes sociais dizer que a La Liga, organizadora do Campeonato Espanhol, é conivente com casos de racismo. "Não foi a primeira vez, nem a segunda e nem a terceira. O racismo é o normal na La Liga. A competição acha normal, a Federação também e os adversários incentivam", disse ele.

A denúncia à Justiça espanhola foi feita pela La Liga, em conjunto com a Real Federação Espanhola de Futebol, o Real Madrid e o próprio Vinicius Jr. Durante a audiência, o presidente da La Liga, Javier Tebas, leu uma carta pedindo desculpas para o brasileiro:

"Entendo que possa haver alguma frustração pelo tempo que estas sentenças levam a ser proferidas, mas isso mostra que Espanha é um país garantidor a nível judicial", disse ele.

O presidente da liga espanhola também comemorou a condenação, a primeira deste tipo proferida no país:

"Esta sentença é uma ótima notícia para a luta contra o racismo na Espanha, pois repara os danos sofridos por Vinicius Jr. e envia uma mensagem clara para aquelas pessoas que vão a um estádio de futebol para insultar, que a La Liga irá detectá-los, denunciá-los e terão consequências criminais para eles", afirmou.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias